16.3.09

Je suis arrivée de Paris

Esta minha ida a Paris foi uma autêntica aventura, aconteceu-me de tudo! Mal saí do aeroporto Charles de Gaulle, no comboio em direcção ao centro da cidade fui nada mais nada menos que assaltada por dois "putos". Não deviam ter mais que 10, 11 anos. Sim, leram bem. Vieram pedir esmolas. Neguei-lhes, assim como todas as outras pessoas que estavam ao pé de mim. Entretanto, não se íam embora. Mostraram-me um papel onde dizia lá que o dinheiro ia para uma Associação qualquer (tretas!) e nesse momento em que me meteram o papel à frente dos olhos tirei o meu telemóvel da minha bolsa e foi aí que me levaram a carteira. Ainda fui atrás deles, mas o comboio estava parado numa estação e eles sairam logo. Fiquei sem os cartões bancários, o cartão de contribuinte, o meu cartão dos primeiros socorros, o cartão de sócia do Braga, e mais umas fotos. A minha sorte é que fiquei com os meus documentos. Por isso, esta minha terceira ida a Paris ficará para sempre na memória. Mas pronto, o que interessa é que já passou, está tudo bem e um obrigada àqueles que se preocuparam comigo, me queriam ajudar e aos que me ajudaram mesmo.



Mais tarde fui ter à Torre Eiffel, à concentração dos bracarenses. Foi bonito de ver aquilo pintado de vermelho e branco. Só não gostei da atitude dos polícias "Ou vêm connosco até o estádio na excursão a pé ou então têm de sair daqui.", mesmo arrogantes como os franceses são. Não fui, até porque tinha de esperar pelos meus primos e por um grupo de amigos. Apanhámos o metro no Trocadéro, onde nas bilheteiras ainda encontrámos mais dois amigos e fomos todos juntos até o Parque dos Príncipes. Tivemos que dar quase a volta ao estádio todo. Alguns bilhetes mostravam um sector e na realidade tínhamos de entrar todos pelo mesmo. A entrada, essa foi uma confusão, mas também éramos muitos. Lá dentro a alegria foi total.



O jogo em si não foi mau, até porque jogámos fora e num terreno difícil com um ambiente infernal. Fizémos uma primeira parte bastante boa, o Rentería é que desperdiçou mais um golo feito, mas isso já é normal nele. Já os restantes 45 minutos foram um bocado sofridos. O Paris Saint-Germain esteve perto do golo, valeu-nos a barra da baliza e o Eduardo a defender muito bem. O árbitro italiano também ajudou à festa, apitava tudo contra nós. Ai a máfia!

No fim, foi bonito ver toda a equipa e restantes técnicos virem até à nossa bancada aplaudir-nos. Foi mágico, assim como foi em San Siro. E depois, enquanto estávamos à espera que nos deixassem sair do estádio também nos pusemos a cantar pelo Braga: extraordinário! Ficámos com um empate (até à data as equipas lusas tinham todas perdido lá), o que deixa tudo ainda em aberto, e acredito que no AXA o SCB dê tudo por tudo para passar aos quartos-de-final.

Num outro post falarei dos pontos turísticos.

5 comentários:

pascoal sousa disse...

Muito bom texto, bem apoiado por belas fotos. Pena esse incidente à chegada, mas podia ser pior. Ao menos ninguém a magoou. Bonita a festa dos adeptos nas bancadas. Paris tem encanto especial para mim. Já o PSG não me convoca boas memórias. Bjs

dragao vila pouca disse...

Lamento o que te aconteceu e que evitou, que tivesses disfrutado como merecias, a viagem, Paris, o belo jogo e bom resultado - apesar de traiçoeiro - do teu clube.

Beijinho e boa sorte para quinta-feira.

M. disse...

Invadi o teu blog e gostei do que vi!

Bjinhus*

f_mg disse...

olá, foi pena o que te aconteceu à chegada a paris, porque o resto até nem te correu mal..

bjs

Kxt disse...

Rais parta aos putos!
A França tá cada x pior, mas nós pa lá caminhamos :( infelizmente.. as ruas de Braga à noite estão completamente desertas!!! pq os "mitras" é q as dominam, eu nem me aventuro a meter o carro la fora pq depois tnhu d ir a pe com o portátil e tnhu medo q m façam mal.

O jogo, aposto q foi maravilhoso, é cmo se fosse a jogar Portugal, unimo-nos todos, o pessoal de França sente necessidade de estar ao pé de todos os acontecimentos portugueses por tarem tão longe das suas aldeias e famílias, por isso q eu gosto mt de usar as mnhas camisolas da marca VIP qd vou pra fora, hehehe ORGULHO DE SER PORTUGUESA!!! aí fora vocês sao ainda mais fanáticos q nós hehe