18.4.18

O Chico está de parabéns!

O Chico nasceu há um ano. Ele é um amor de cão. Não me poderia ter calhado melhor na rifa. Está de parabéns! Para além de lindo, ele porta-se bem. Às vezes chateia de tanto ladrar, mas isso até se perdoa. É normal ladrar para quem não conhece, não é verdade? Apesar de ser um cão de pequenas dimensões, ele não é um fracote, muito pelo contrário! Tem um carácter forte, podendo ser agressivo e não desistindo na maioria das situações. Faz-se aos grandalhões! Eheheh


E quando eu chego a casa? Ele está tão habituado que +/- àquela horinha põe-se à beira da porta até eu chegar. É que não sai dali. Surpreendente. E fica imensamente feliz. Eufórico. Ele reconhece o meu cheiro à distância. Ele sabe perfeitamente as rotinas. Ao fim de jantar, ele pede-me automaticamente colo porque sabe que eu costumo ir um bocado até à sala aka sofá (winter mood) e quer que o leve. O Chico não gosta do calor, ele foge do sol. Aqui ele não sai à dona! Também não é fã de sítios apertados. Nem de barulhos muitos loucos. Bebe muita, muita água. Mas foge dela, quando estou a regar o jardim ou a lavar o carro. Adora passear, ver a banda a passar. Explorar. Corre com um speed e salta como um coelho. O chihuahua tem picos de energia e, por isso, cansa-se com facilidade. Ou seja, uma simples corrida atrás de um brinquedo é suficiente para o cansar. Em longas caminhadas, por vezes, tenho de pegar nele ao colo durante uns minutos porque ele pára, senta-se e não anda mais. Lol É um bocadinho teimoso. É o meu bebé de pêlo macio.

14.4.18

País tropical

Passámos do Verão para o Inverno. Dos incêndios para as inundações. O Inverno não nos quer deixar. Levamos com chuva, semanas de chuva. Já estou fartinha! As barragens não tardam a esbordar.

Fui conhecer a piscina das ondas, em Esposende. E que bem me soube estar dentro de água (já que não se pode estar ao ar livre). As instalações são boas. E a experiência de levar com ondas-à-mar é única. Os mais sensíveis podem até viver momentos de aflição.

11.4.18

Balanço em letras de música # 7

Em Janeiro - E cai neve em todas as estações, e até no rádio dedicam-nos canções. O mundo rendeu-se ao nosso sorriso, somos exemplos do paraíso, formamos um par perfeito.

Em Fevereiro - Sal de tu cuerpo y vuelve a empezar. Siente que todo se arreglará. Nada es eterno, ya pasará. Una vez más, unas vez más.

Em Março - Porque tudo em nós vem. Vai, vai, vai, cai, cai e outra bye, bye, bye. Bye, bye, bye. E quem queremos mais. Vai, vai, sai, sai e outra bye, bye, bye.

Em Abril - Ali, soube que era amor para a vida toda. Que era contigo a minha vida toda. Que era um amor para a vida toda.

Em Maio - Mira qué cosa bonita. Qué boca más redondita. Me gusta esa barbita, y bailé hasta que me cansé. Hasta que me cansé, bailé. Y me ena-na-namoré.

Em Junho - Para sempre no meu coração, eu só quero ver você sorrir, até ao dia em que eu sumir.

Em Julho - Súbeme la radio que esta es mi canción, siente el bajo que va subiendo. Tráeme el alcohol que quita el dolor. Hoy vamos a juntar la Luna y el sol.

Em Agosto - Y si con otro pasas el rato. Vamos a ser feliz, vamos a ser feliz, felices los 4. Yo te acepto el trato.


Em Setembro - Lo digo y lo digo. Te está esperando. Mira que todo lo bueno llega. Para recordarnos que lo vivido, valió la pena.

Em Outubro - Digam lá se é assim ou não é? Ai, não, não é! Digam lá se é assim ou não é? Ai, não, não é?  Ai, não, não é! Pois é!

Em Novembro - Despacito, quiero respirar tu cuello despacito. Deja que te diga cosas al oído para que te acuerdes si no estás conmigo.

Em Dezembro - No vaya a ser que te quiera y te vuelvas a ir. No vaya a ser que me enamore aún más de ti. No vaya a ser que me equivoque y te vuelva a perder. No vaya a ser que me caiga otra vez.

8.4.18

"Quiero", Malú


"yo quiero, yo puedo
yo que he aprendido a respirar del cielo.
Yo quiero, yo puedo
yo puedo volar, vivir en libertad..."

O destino, o melhor dos caminhos.

5.4.18

Páscoa 2018

Sou uma pessoa de cores. E as cores vivas ficam-me bem. E visto-me sempre conforme o meu estado de espírito e consoante o que tiver para fazer. E entre as minhas musas e fontes de inspiração está a alfacinha Catarina Furtado. Esta Páscoa estivemos as duas de laranja, eu de forma mais clássica e ela de roupa balnear (que inveja, pah!). 



Em tempo de chuva – que me deprime - há que mostrar alegria! Não há meio do São Pedro fechar as torneiras. Andamos nisto há cinco semanas.
Primavera (na prática), ainda vais demorar muito?

4.4.18

O pontapé de bicicleta de CR7

Isto vale a pena ser visto, e revisto.
LeBron James rendido à 'bicicleta' de Cristiano Ronaldo
O Real Madrid saiu, ontem, de Turim com uma confortável vantagem para o jogo da segunda mão dos quartos de final da Liga dos Campeões, ao bater a Juventus por 3-0 numa noite mágica (mais uma) de Cristiano Ronaldo. Ele que marcou dois golos, um deles de pontapé de bicicleta, que todo o estádio, de pé, aplaudiu, com o português a retribuir com a mão no peito, em sinal de respeito. O madeirense não pára de surpreender. Não há dúvidas, ele é de facto, o melhor do Mundo no que diz respeito à bola! Um orgulho tremendo.

3.4.18

IRS Automático

Entreguei a minha primeira Declaração de IRS (de Portugal, está claro). E dizem eles, do Portal das Finanças, que eu tenho a receber uma bela quantia. Bem, assim... sim. Já vai dar para umas merecidas férias. Cof, cof! Na Suíça, 99,9% dos cidadãos têm de pagar +/- um salário. Só de me lembrar... dá-me uma dor do caraças.